Sardoal | Tejo Ambiente aponta encargos acrescidos de 1,37 milhões de euros com a gestão de contratos em alta

Representantes da empresa intermunicipal Tejo Ambiente estiveram presentes na última reunião de Câmara Municipal de Sardoal para dar conta dos objetivos definidos para os próximos 15 anos. Confirmou-se que a transferência dos serviços de água, saneamento e resíduos para a Tejo Ambiente foi adiada para o dia 1 de junho de 2020. Na apresentação, o diretor geral da Tejo Ambiente, José Santos, explicou que “uma das grandes razões da constituição da empresa são os investimentos” e aponta-se encargos estruturais acrescidos de 1,37 milhões de euros com a gestão de contratos em alta.

Consulte artigo completo em mediotejo.net